sexta-feira, 19 de maio de 2017

Programa Agenda: Maquiagem e penteado dignos de MET Gala

Olá, meninas!


No Programa Agenda desta quarta-feira, os experts em beleza, a top maquiadora Dani Serpa e o hair stylist e visagista Gylson Collares, da estética Gylson Collares - Visagismo e Beleza, falaram sobre a beleza dos bailes de gala. Recentemente, teve o MET Gala, o Metropolitan Museum of Art, um dos mais famosos e tradicionais. Este ano, o evento homenageou a estilista japonesa Rei Kawakubo, de 74 anos. Então pudemos conferir algumas maquiagens, cabelos e vestidos bem exuberantes e super coloridos. Segundo Gylson, neste ano os cabelos estavam muito clean. "Ou era rabo de cavalo, ou coque ou ele solto. Tudo muito leve", diz. A mais diferente era a atriz e modelo Cara Delevingne que está com os cabelos raspados para um novo filme e foi ao baile com a cabeça pintada de prata, bem num look à la Garçonne. "Eu achei fantástico. É uma cabeça diferente e arrojada. Eles abusaram da cabeça raspada para criar um cabelo curto, como um desenho, para dar aquele efeito. Os cristais deixaram a cabeça glamourosa", explica.



A musa gaúcha maravilhosa Gisele Bündchen estava perfeita em um vestido prata com as costas aparecendo. Os cabelos eram simples, porém chiques. "Ela não tem tanto volume de cabelo, então acredito que usou um mega para fazer o rabo de cavalo. O rabo de cavalo fica bonito quando é longo e glamouroso", diz. A maquiagem de Gisele era iluminada e delicada, apenas ressaltando sua beleza natural. "Uma maquiagem leve, de acordo com tudo. O tapete vermelho geralmente tem as maquiagens leves, com pele bem construída e olhos discretos. As bocas já são mais chamativas", diz Dani.

Segundo Gylson, o trabalho do visagismo também ajuda nestas composições de looks e penteado/maquiagem. "Tu vês a Gisele. Ela estava com aquele decote nas costas e tinha que aparecer. O rabo de cavalo valorizou demais o look. Ou então poderia ter sido um coque bem sequinho. Bem clean e leve", diz.



Porém neste MET Gala, Dani explica que os anos 80 apareceram com força total. "É a volta dos anos 80. As maquiagens muito coloridas, com olhos com cor, blushes que emendam nas sombras, bem anos 80. A atriz Lupita Nyong'o estava com um arco-íris nos olhos. Ela tem uma pele negra que tudo fica lindo. Ela é muito sofisticada e linda", diz.



Selena Gomez com sombra rosa pink e num formato quase quadrado.


Rihanna usou sombras rosas que se uniam juntamente com o blush. É aquela pegada anos 80 que voltou com tudo na maquiagem. "A aposta das cores de sombras eram rosas, roxos, lilás e cores bem surpreendentes", diz. Dani explica que dá para usar sim este tipo de sombra no dia-a-dia. "Essa proposta de sombra de uma cor só, não misturar com outras cores pode dar certo. Eu acho que esse tipo de maquiagem não pega com força total. Hoje em dia está mais equilibrado. Elas botam um olho colorido mas neutralizam a boca ou vice-versa. Mas está voltando o colorido", explica. Segundo a maquiadora, em roupas de cores neutras esta sombra colorida fica linda e até dá um contraponto.

Dani lembrou que nos anos 80 e 90, eram super comum combinar o tom do vestido com a sombra. "Isso é quase proibido hoje em dia, mas eu vi muito neste baile do MET. Então acho que não existe uma regra absoluta. A moda está muito dinâmica e tudo pode se tu tens personalidade para isso", diz.


Para Dani, a maquiagem mais chocante de todas foi a de Katy Perry. "Ela estava com um véu vermelho no rosto e a maquiagem era bem marcante. Era tudo com muito glitter: nos lábios (com glitter vermelho) e nos olhos (com sombra azu com glitter na mesma cor). Tinha glitter inclusive na glândula lacrimal", diz.



Dani e Gylson produziram uma bela modelo com inspiração no red carpet do MET Gala. O lindo vestido roxo era do renomado estilista Carlos Medina.




Nos cabelos, Gylson fez um coque bem clássico mas com toque de modernidade. A modelo Carol estava lindíssima nesta releitura que os profissionais fizeram. "Este estilo está muito em alta. Ele remete um pouco passarela. Ele é ligeiramente para um lado, para não ficar um cabelo centralizado. Gosto dos contrapontos. Dá um efeito elegante. Esse cabelo não tem muito volume e somente no alto com o coque", explica.



Segundo Gylson, dá para fazer uso de aplique para elaborar um coque deste. Porém, o visagista alerta para a risca no meio. "Falando no visagismo, temos que ter cuidado com a risca no meio. Quando o rosto é muito redondo, não é ideal a risca no meio. O ideal é equilibrar, ter contraponto. Uma risca lateral fica boa. Senão acentua muito o redondo do rosto", explica. O hair stylist aposta mais no coque com a risca, pois é mais elegante e moderno. "Mas depende muito da idade da pessoa, do vestido, do tipo de festa, enfim. Mas esse tipo de coque fica lindo. Este coque não é nada sério", diz.



Na maquiagem, Dani combinou a cor da sombra com a roupa. "Foi uma das pedidas no MET. Procurei trazer esta tendência dos anos 80.Eu procurei usar bastante contorno, iluminador e glitter na sombra, para combinar com os Swarovski do vestido", diz.



Nos lábios de Carol, Dani apostou em um batom nude com gloss por cima, que é uma forte tendência na maquiagem e uma aposta certa para quem quiser entrar na moda.



"Esfumei a sombra com todos os tons de roxo, tanto em cima quanto embaixo. Como a Carol tem os olhos grandes coloquei delineador dentro. Coloquei cílios postiços e iluminei bem o canto interno dos olhos", explica Dani.




Confira o programa na íntegra:

Nenhum comentário:

Postar um comentário